COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO

Contadora

AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL NA UNIPINHAL

A Avaliação Institucional regulamentada pelo MEC é um processo dinâmico que requer, para o seu êxito, o envolvimento e a participação de toda a comunidade acadêmica. Este portal tem como finalidade oferecer informações sobre o processo de avaliação da UniPinhal e, ao mesmo tempo, estar aberto para receber críticas e sugestões que levem ao aprimoramento da prática avaliativa.

O que a Comissão Própria de Avaliação (CPA) espera é estabelecer um diálogo produtivo entre diretores, coordenadores, docentes, discentes, funcionários e sociedade civil buscando consolidar a relevância acadêmica e social do centro universitário.

Prof. Dr. André Luis Paradela
Coordenador da CPA – UniPinhal

Avaliação na UniPinhal


OBJETIVOS DA AUTOAVALIAÇÃO Objetivo Geral:
Realizar a autoavaliação no Centro Regional Universitário do Espírito Santo do Pinhal em consonância com o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES),

Objetivos Específicos:
1 – Avaliar o conjunto de dimensões, estruturas, relações, atividades, funções e finalidades da UNIPINHAL;
2 – Sensibilizar a comunidade da UNIPINHAL para o processo de autoavaliação, desenvolvendo um espaço permanente de debate que envolva todos os segmentos;
3 – Aplicar metodologias de coleta, análise e interpretação dos dados da autoavaliação institucional, que possam contribuir para o planejamento das ações na UNIPINHAL e impulsionar as mudanças;
4 – Organizar e disponibilizar as informações para a comunidade universitária e externa;
5 – Identificar as fragilidades e pontos fortes da UNIPINHAL, bem como causas e conseqüências;
6 – Oferecer informações para subsidiar o Plano de Desenvolvimento Institucional;
7 – Consolidar o processo de autoavaliação na UNIPINHAL como instrumento de melhoria contínua da qualidade do ensino, pesquisa e extensão.




Objetivos da Autoavaliação


OBJETIVOS DA AUTOAVALIAÇÃO Objetivo Geral:
Realizar a autoavaliação no Centro Regional Universitário do Espírito Santo do Pinhal em consonância com o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES),

Objetivos Específicos:
1 – Avaliar o conjunto de dimensões, estruturas, relações, atividades, funções e finalidades da UNIPINHAL;
2 – Sensibilizar a comunidade da UNIPINHAL para o processo de autoavaliação, desenvolvendo um espaço permanente de debate que envolva todos os segmentos;
3 – Aplicar metodologias de coleta, análise e interpretação dos dados da autoavaliação institucional, que possam contribuir para o planejamento das ações na UNIPINHAL e impulsionar as mudanças;
4 – Organizar e disponibilizar as informações para a comunidade universitária e externa;
5 – Identificar as fragilidades e pontos fortes da UNIPINHAL, bem como causas e conseqüências;
6 – Oferecer informações para subsidiar o Plano de Desenvolvimento Institucional;
7 – Consolidar o processo de autoavaliação na UNIPINHAL como instrumento de melhoria contínua da qualidade do ensino, pesquisa e extensão.




Procedimentos Metodológicos


PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS Para cumprir os objetivos propostos nesse projeto de autoavaliação, a CPA estabeleceu a seguinte sistemática:

1 – Sensibilização da comunidade acadêmica: por meio de palestras, reuniões, materiais de divulgação impresso e no site da UNIPINHAL, com todos os segmentos estabelecendo-se um diálogo para a percepção das insatisfações e expectativas de cada segmento;

2 – Levantamento de dados: identificação das fontes institucionais de dados referentes às dimensões a serem avaliadas e consolidação de dados; elaboração de instrumentos para a coleta de dados e informações e aplicação dos instrumentos de coleta.

3 – Divulgação de resultados à comunidade acadêmica e à sociedade: socialização dos resultados obtidos à comunidade acadêmica e à sociedade em geral, identificando a relevância social, acadêmica e cultural da instituição no seu contexto globalizado.




Planos de Ação


PLANO DE AÇÃO PARA IMPLANTAÇÃO DE MEDIDAS CORRETIVAS EM FUNÇÃO DO PROCESSO DE AVALIAÇÃO Todos os resultados para as avaliações aplicadas aos discentes e docentes da UNIPINHAL são trabalhados na interpretação, o que resulta na elaboração de um Plano de Ação para corrigir ou minimizar os diversos problemas encontrados em relação, principalmente, à infraestrutura do Centro e mais precisamente dos cursos de graduação.

Sugestões para melhorias no ensino-aprendizagem bem como outras que não são contempladas nos instrumentos de avaliação também devem fazer parte deste documento.

Todos os resultados das avaliações são enviados aos coordenadores de curso para ciência e apreciação e este material também está disponível na CPA para consulta da comunidade estudantil, incluindo docentes, coordenadores e administradores.

A CPA está sempre à disposição de sugestões da comunidade acadêmica esperando, com isso, consolidar o processo de autoavaliação na UNIPINHAL como instrumento de melhoria contínua da qualidade do Ensino. • Plano de Ação em Função dos Resultados da Avaliação Institucional 2018 • Plano de Ação em Função dos Resultados da Avaliação Institucional 2019 • Plano de Ação em Função dos Resultados da Avaliação Institucional 2020




Relatórios elaborados pela CPA


Selecione o Ano: • 2014 • 2015 • 2016




Fale Conosco


Bloco A – Sala A-16
Segunda a sexta-feira, das 08 às 12 horas
Fone: (19) 3651-9625 – Ramal 9625
E-mail: cpa@unipinhal.edu.br





unnamed.png