top of page
Escrevendo com Caneta

TCC

Material::

Área:

Título:

Descrição física:

Número de chamada:

Idioma:

Assunto:

Autores:

Orientador:

TCC

Engenharia Agronômica

Algas marinhas no cultivo de alface em aquaponia

24 f.

TCC/Unipinhal O48a

Português

Hidroponia ; Piscicultura ; Hortaliças.

Oliveira, Felipe Teodoro de

Nilva Teresinha Teixeira

Resumo:

A hidroponia é uma técnica de cultivo disseminada em todo o Brasil, sendo empregada para a produção comercial de inúmeras espécies como hortaliças, frutíferas, ornamentais e medicinais. O uso de hidroponia para cultivo de hortaliças é bastante promissor sendo vantajoso sob vários aspectos, tendo como destaque uma maior proteção contra a ocorrência de pragas e doenças e um maior controle do ambiente de cultivo. A integração aquicultura e hidroponia sem sistema de recirculação de água e nutrientes, também chamada de aquaponia, é processo de produção de alimentos pouco impactante ao meio ambiente, com características de sustentabilidade, permitindo a produção de peixes e hortaliças para pequenos produtores. As algas marinhas são organismos de composição muito rica, contendo aminoácidos, hormônios semelhantes aos produzidos pelos vegetais, elementos minerais e vitaminas. O seu emprego pode ser via foliar ou via raízes, como por fertirrigação. Assim, o objetivo do estudo foi verificar a influência do emprego de extrato de algas marinhas, aplicada em pulverização, em alface cultivada em aquaponia. O experimento foi conduzido no Sítio São Sebastião, localizado em Espírito Santo do Pinhal com alface (Lactuca sativa L.) cv. Lisa, em outubro a novembro de 2023, A instalação é o sistema Técnica do Filme Nutriente - NFT, já contando com população de peixes. Os tratamentos foram dois: testemunha e formulado comercial contendo algas marinhas, com delineamento inteiramente casualizado. As algas marinhas foram introduzidas via foliar, na dose de 1%, aos 15 dias após a instalação das mudas no sistema. Cada parcela constou de 10 plantas. As avaliações, efetuadas 20 dias após a introdução das algas, foram: massa verde da parte aérea e de raízes e número de folhas, tornando-se 4 plantas por parcela. Os resultados obtidos no ensaio e estudados estatisticamente permitiram concluir que a inclusão do formulado comercial contendo algas marinhas beneficiaram o desenvolvimento das plantas e a produtividade, avaliada pela massa fresca da parte aérea e das raízes e total e número de folhas de alface (Lactuca sativa L.) cultivada em aquaponia.

bottom of page